50anosparoquiasNo dia 30 de Janeiro de 2011 a Diocese do Funchal celebrou os 50 anos da criação das novas paróquias. A missa celebrada na Sé pelo Bispo D. António Carrilho foi precedida por um cortejo solene de todas as novas paróquias da Madeira desde o Jardim Municipal até à Sé. As paróquias com esta manifestação pública de fé e comunhão responderam ao convite feito pelo Bispo D. António Carrilho numa nota pastoral para a celebração desta efeméride.

Na homilia, o Bispo do Funchal lançou alguns desafios às comunidades paroquiais, defendendo a necessidade de “renovação ” com vista a uma Igreja “viva, participativa e interventiva, em co-responsabilidade de todos os fiéis”.

As 50 novas paróquias foram instituídas a 1 de Janeiro de 1961 por decreto de D. David Sousa. O objectivo, conforme explicou D. António Carrilho, foi o de levar a igreja ao meio dos núcleos populacionais”, tendo em conta as distâncias que dificultavam o acesso de muitos fiéis às eucaristias.

A nossa paróquia esteve representada pelo pároco Agostinho Carvalho, acólitos, catequistas, movimentos e grupo de paroquianos.

Na celebração eucarística, as coordenadoras da catequese da paróquia, Paula Dias e Carla Pereira, participaram no ofertório em representação  do Arciprestado de Santa Cruz e Machico. Num gesto simbólico ofereceram um avião ao Sr. Bispo.

DSC06572

O gabinete de informação da diocese do Funchal disponibiliza um vídeo sobre esta celebração diocesana.

Nele poderemos escutar o Hino dos 50 anos das Paróquias com letra do Padre Giselo Andrade e música do Padre Ignácio Rodrigues.

Rejubila Povo de Deus,
ergue ao alto o teu coração!
Paróquia és Bênção dos Céus,
de uma Igreja sempre em Missão.

A semente à terra lançada,
sob o orvalho de Deus floresce.
Seara abundante, escolhida,
que em Cristo germina e cresce.

Pequenino rebanho disperso,
conheces a solidão e a dor.
As ovelhas encontram abrigo,
no coração de Jesus Bom Pastor.

Na aventura plena de Esperança,
meio século de vida e de luz.
No Espírito cresce a Paróquia,
Amor eterno, brotando da Cruz.

Anúncios